Ir al contenido principal
*
Pela primeira vez infringi a regra de ouro e voei pra cima sem media as conseqüências. Por que recusamos ser proféticas? E que dialeto é ese para a pequeña audiencia de serão? Voei pra cima: é agora, coração, no carro em fogo pelos ares, sem uma graça atravesando o estado de São Paulo, de madrugada, por você, e furiosa: é agora, nesta contramão.

*
ana cristina cesar
mocidad independiente
*
en
veneno antimonotonia
poemas contra o tédio
*

Comentarios

Seguidores

Páginas vistas en total